Noite de estreia portuguesa no FESTin

domingo, 05 março 2017 13:39 Escrito por 
Noite de estreia portuguesa no FESTin D.R.

Filme português "Uma vida à espera" é exibido pela primeira vez e arranca aplausos do público

Sábado à noite foi de estreia no Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa. O filme português que participa da competição de longa-metragem, foi exibido na Sala Manoel de Oliveira e contou com a presença do realizador Sérgio Graciano que abriu a sessão agradecendo a toda equipa, espectadores e ainda o convite recebido para participar do festival.

"Uma vida à espera" começa com um homem saindo de casa e levando consigo apenas a caixa do correio e uma mala. Ainda sem entendermos, ele instala-se numa praça, onde acontece a maior parte da trama.
Todos os dias, durante muitos anos, envia uma carta ao filho e diariamente aguarda uma resposta. A história do filme é muito bem interpretada por Miguel Borges que desenvolve a emoção e as mudanças comportamentais do personagem principal, que se vai desenrolando e ficando mais intensa em cada cena.

Muitos foram os portugueses que estiveram presentes para homenagear a estreia do filme nacional. Enquanto Sérgio discursava, ouviam-se muitos aplausos e palavras de incentivo ao director. O mesmo aconteceu no final do filme.


Em seguida, foi a vez de mais um filme brasileiro entrar na disputa da mesma categoria. "Comeback" teve a sessão inaugurada pela produtora Cristiane Miotto dizendo que "o filme é fruto de um movimento que iniciou no Brasil em incentivo ao desenvolvimento do audiovisual. Neste momento a gente passa por um tempo de preocupação, porque pessoas que não entendem que a cultura é essencial para sociedade, estão assumindo o governo."
Ela ainda completou que o mercado audiovisual está atento às articulações governamentais para que não interfiram naquilo que já foi conquistado pelo sector. Logo após, o director Erico Rassi, que se estreia em filmes de longa-metragem, fez um agradecimento especial ao actor Nelson Xavier que recebeu o prémio de melhor actor no Festival do Rio pela interpretação em "Comeback".
Erico salientou a dedicação e compromisso de Nelson para que o trabalho chegasse a um resultado final.


O filme mostra a história de Amador (Nelson Xavier), um pistoleiro aposentado que vive como negociador de máquinas de jogos, trabalhando para um bandido da sua geração. Solitário e amargurado, Amador colecciona num álbum os recortes de jornal dos seus crimes antigos, preservando-o e apresentando-o como se de um portfólio se tratasse. A história desenrola-se com as tentativas de Amador em voltar à actividade e a reagir com violência à hostilidade do mundo que o cerca.

Vídeo

Modificado em domingo, 05 março 2017 13:46