Évora Hotel, um marco da hotelaria alentejana, celebra 25 anos

quinta, 23 fevereiro 2017 17:12 Escrito por 

O Évora Hotel completou este mês 25 anos, assinalando a data com bonecos de Estremoz, as mantas de Reguengos de Monsaraz, as empadas da Casa Maria Vitória, os Queijos da Queijaria Cachopas, o presunto da Fundação Eugénio de Almeida e ainda os vinhos do Alentejo.

A inauguração da exposição “Abre as Asas e Voa” de Maria Leal da Costa, marcou o início das festividades, dando assim o mote para os eventos que se seguiram e que, a nosso ver, retrataram a verdadeira “Alma Alentejana”.

Foram dois fins-de-semana de mostras do melhor que há no Alentejo, de produtos e de experiências, nos dias 04, 05, 11 e 12 de Fevereiro. Os bonecos de Estremoz, as mantas de Reguengos de Monsaraz, as empadas da Casa Maria Vitória, os Queijos da Queijaria Cachopas, o presunto da Fundação Eugénio de Almeida e ainda os vinhos do Alentejo, animaram 20 barraquinhas que estiveram abertas a todos aqueles que preferiram fintar a chuva e encontrar aconchego num local animado e onde se comeu e bebeu ainda melhor.


Durante estes fins-de-semana, aos jantares de sábado e almoços de domingo, houve também showcookings das especialidades Évora Hotel no seu restaurante regional Sol Poente. Cozinhou-se ao vivo, e num ambiente descontraído, várias iguarias Alentejanas, tais como o Bacalhau Dourado, o Cação à Ribeirinha, a Encharcada e o Pão de Rala.

O culminar da festa assinalou-se no passado dia 17 de Fevereiro, data em que a unidade hoteleira completou os seus 25 anos. Convidaram-se parceiros, principais clientes e amigos para um lanche Alentejano, encerrando assim com muita “Alma” os festejos de um quarto de século.

Segundo comunicado do hotel, celebrar "25 Anos é uma responsabilidade que assumimos com muito orgulho", salientando queé um quarto de século "ao serviço do Alentejo, e em simultâneo são anos de experiência, um desafio todos os dias; mas sobretudo um trabalho que abraçamos com um enorme prazer". Com uma experiente equipa liderada por Miguel Breyner "de diferentes gerações, todos alentejanos, e por isso com conhecimento das tradições locais, de lugares únicos e genuínos".


Actualmente o Évora Hotel "assume-se como um ponto de encontro de famílias, de amigos e colegas e o seu resultado deve-se principalmente ao reconhecimento dos clientes do Alentejo", referiu a direcção no comunicado.

Para 2017 o compromisso é de "manter a aposta na melhoria contínua da criatividade e sustentabilidade do projecto, mantendo o foco em proporcionar melhor qualidade de vida, bem-estar e boas sensações a todos aqueles que o visitam", concluiu.

Modificado em sábado, 25 fevereiro 2017 01:49