Tarantino regressou a Cannes para celebrar os 20 anos de "Pulp fiction"

Tarantino regressou a Cannes para celebrar os 20 anos de "Pulp fiction"

Tarantino regressou a Cannes para celebrar os 20 anos de "Pulp fiction" Loic Venance/AFP

O cineasta americano Quentin Tarantino participou ontem numa conferência de imprensa no Festival de Cannes para comemorar os 20 anos do mediático filme "Pulp fiction", que recebeu a Palma de Ouro em 1994.

Durante o encontro, o realizador desta vez numa conversa com amigos do mundo do cinema e fizeram uma lista com os dez cineastas actuais "mais excitantes", referiu a France Press.

Para Tarantino, o espanhol Pedro Almodóvar está entre os dez mais. De acordo com galardoado, o adjectivo refere-se aos cineastas que ainda não rodaram o seu melhor filme.

"Podemos estar errados, pode ser que esteja já por trás na sua carreira, mas não sabemos. Acontece o mesmo com os músicos", comentou Tarantino, também realizador de "Django livre"(2012) e "Cães danados" (1992).

Em todas as listas de cineastas que respeita, mas que não citou, apareceram os americanos David Fincher, realizador de filmes como "Seven" (1995), "Clube de combate" (1999) e "O estranho caso de Benjamin Button" (2008) e "A rede social" (2010); e Richard Linklater, de "Antes de amanhecer" (1995), "Antes de anoitecer" (2004) e "Acordar para a vida" (2001).

"Para mim é um mistério que Pedro Almodóvar não estivesse em todas as listas", comentou Tarantino, sobre o realizador de "Volver" (2006), "Tudo sobre a minha mãe" (2002) ou "A pele onde eu vivo" (2011).

terça, 14 Nov. 2017 10:00 – domingo, 31 Dez. 2017 17:00
Campo Grande 245, Lisboa, Lisboa

terça, 14 Nov. 2017 10:00 – domingo, 17 Dez. 2017 18:00
Campo Grande 245, Lisboa, Lisboa

captcha