Público ao rubro com Ney Matogrosso

segunda, 19 junho 2017 12:51 Escrito por 
Público ao rubro com Ney Matogrosso MCrespo

Em véspera de feriado, Ney Matogrosso apresentou o mais recente trabalho “Atento aos sinais” no Grande Auditório do Convento São Francisco, em Coimbra.

Como vem sendo habitual nos espectáculos de Ney Matogrosso em Portugal, a sala esgotou para ouvir o último trabalho, dos mais de 30 discos que musico brasileiro gravou ao longo de quatro décadas de carreira. "Atento aos Sinais" estreou ao vivo em Fevereiro de 2013 e tem um reportório de 14 temas.


Logo a abrir o concerto o desenho de luz foi o grande protagonista e seria o fio condutor do espectáculo.
Para além da performance irrepreensível de Ney Matogrosso e dos sete músicos que o acompanharam em palco, a componente técnica esteve sempre em destaque. Projecção de imagens, som e iluminação, funcionaram como um todo sincronizado com a performance dos artistas.

O próprio Ney Matogrosso afirmou que se trata da maior produção de que já fez parte, sublinhando a qualidade da iluminação que confere ao espectáculo “uma luz de rock’n’roll”.


O espectáculo é pop, urgente, com músicas de compositores consagrados como Caetano Veloso e Paulinho da Viola, mas que também abre espaço à criação musical emergente, incluindo temas de Criolo, banda Zabomba, do alagoano Vítor Pirralho, Dan Nakagawa e dos cariocas do Tono.


A mudança de figurino de Ney Matogrosso em palco, abandonando o preto para se vestir e calçar de prateado foi, por si só, um espectáculo dentro do espectáculo.


Se ao inicio o publico se mostrou tímido, o concerto terminou em clima de festa com a sala de pé a dançar, obrigando a banda a dois encores.